A importância da Matemática no cotidiano

0
218

Você sabe de onde vem a palavra “matemática”? Ela foi criada no século VI a.C., por seguidores de Pitágoras, a partir do termo grego mathema – que significa “tema do conhecimento”. Fazendo jus à etimologia, e mesmo antes de receber esse nome, a matemática transformou o conhecimento humano.

Ao longo do tempo, muitos povos realizaram suas próprias descobertas e desenvolveram sistemas matemáticos particulares. Mesmo assim, todos eles trabalhavam a partir do mesmo objetivo: compreender os fenômenos, organizar a vida cotidiana e crescer como civilização.

A gente sabe que ter conhecimentos básicos em matemática é fundamental para fazer a vida comum funcionar. Ir ao supermercado, preparar-se para uma reunião, jogar videogame… Qualquer atividade diária, por mais simples que seja, gira em torno dos números – mesmo que a gente não perceba.

Importantes descobertas

A linguagem humana evoluiu ancorada na matemática: a exatidão dos números ajudou o homem a investigar o encadeamento dos fatos e a coerência presente nele. Isso se reflete na maneira como nos comunicamos, explorando o raciocínio lógico para argumentar, fazer inferências e elaborar hipóteses.

A História, portanto, deve muito aos gênios da matemática. Desde as primeiras descobertas, na Grécia Antiga, muitas invenções e revoluções foram realizadas com ferramentas dessa ciência. A astronomia, por exemplo, é uma área do conhecimento completamente dependente dela.

Por meio de cálculos astronômicos, a agricultura tornou-se possível e se desenvolveu. A compreensão dos ciclos naturais levou estudiosos do passado a criar cronogramas precisos de plantio e colheita, que fizeram prosperar muitas culturas, como é o caso dos povos Incas.

Além disso, grandes obras de engenharia e arquitetura foram possíveis graças à matemática. A construção das pirâmides do Egito, por exemplo, exigiram o domínio de muitos conceitos dessa área: ângulos, relações de razão e proporção e segmento áureo, entre outros. 

A matemática hoje

O aparelho no qual você está lendo esta matéria só existe porque os números existem. Todos os equipamentos tecnológicos que conhecemos funcionam com base em dados de programação – que são matemática pura! Indiretamente, tudo aquilo que depende de tecnologia tem alguma relação com essa disciplina.

Isso significa que garantir e preservar esse conhecimento é muito fundamental. Não para entender assuntos difíceis de economia (se possível, ótimo!), mas para dialogar melhor com a realidade da vida social. É importante saber que a matemática está em tudo: no relógio, nas plantas, na previsão do tempo, nos jogos de tabuleiro…

Assim, aprender matemática na escola não precisa ser um tédio. Reconhecer que tudo ao nosso redor pode ser olhado por um viés matemático torna esse saber significativo e aplicável. Sobretudo, a matemática é flexível: mesmo com suas regras, ela muda e evolui. Quando os pais e as escolas incentivam os alunos a simplesmente decorar fórmulas e regras, acabam impedindo-os de descobrir essa riqueza. O melhor jeito de ensinar e aprender essa ciência fantástica é reconhecer seu caráter permeável, trabalhável – transformando-a em uma amiga.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here