Participe da vida escolar de seu filho

0
51

A interação entre pais e filhos é uma das mais poderosas ferramentas de educação. Uma criança cresce de maneira íntegra e saudável quando ela se sente protegida, amada e estimulada por algum familiar ou qualquer outra figura de autoridade.

Essa é a razão pela qual as escolas incentivam a participação dos pais ou responsáveis em atividades desenvolvidas pelos alunos.

Veja a seguir quatro maneiras de estar presente no dia a dia de estudos de seu filho.

1 – Ajude-o nas lições de casa

Em primeiro lugar, certifique-se de que seu filho está sendo responsável com os compromissos escolares e fazendo, por iniciativa própria, as tarefas solicitadas pelos professores. Estimule nele esse senso de responsabilidade. Quando observá-lo fazendo alguma lição, mostre-se interessado e pergunte se ele precisa de ajuda. Para instigá-lo ainda mais, peça que ele te ensine o conteúdo que está aprendendo.

2 – Saiba o que acontece na escola

As escolas promovem muitas atividades: feiras, festivais, concursos, torneios, saídas pedagógicas, atividades complementares, reuniões de pais… É superimportante que você se mantenha a par de tudo o que acontece nesse ambiente – onde seu filho passa boa parte do dia – e que participe dessas ações quando possível. Leia com atenção os comunicados que a escola envia e converse sempre com seu filho, para que ele mesmo conte o que está rolando.

3 – Compartilhe conhecimentos

No seu dia a dia, você também aprende muitas coisas, seja trabalhando, assistindo ao noticiário ou conversando com outras pessoas. Quando souber de alguma novidade, guarde-a para usá-la como assunto com seu filho. Política, descobertas científicas, tradições culturais… As informações que recebemos no cotidiano ampliam nossas percepções de mundo. Perceba se o assunto interessa seu filho e use uma linguagem que seja do entendimento dele.

4 – Acolha as dificuldades e fracassos dele

Enfrentar bloqueios no aprendizado e tirar notas baixas são coisas que podem acontecer com qualquer estudante. Mesmo que essas dificuldades sejam frequentes na trajetória de seu filho, não condene ele. Melhor do que dizer “você precisa estudar mais” é procurar entender qual pode ser a origem das dificuldades na criança ou no jovem. Claro, talvez ele realmente precise estudar mais, mas saiba que muitos atrasos na aprendizagem têm causas emocionais.

Depois de receber essas dicas, o que você acha? É possível ser mais participativo na dinâmica escolar? Se, por algum motivo, você não se sente capaz de estar tão próximo dessa rotina quanto deseja, não se preocupe: faça o que for possível. Também, é importante cuidar para não invadir demais a vida de seu filho – principalmente na adolescência, ele quer espaço! Nesse caso, observe-o “de longe” e permaneça aberto para ajudá-lo quando ele precisar.

No Colégio Positivo, a família é considerada um dos pilares do processo educativo. Trabalhamos em parceria para tornar a aprendizagem cada vez mais prazerosa e construtiva. Contamos com você!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here